Prevenção ao Coronavírus: como evitar contaminação em exames visuais

4 minutos para ler

A pandemia pelo Coronavírus é assunto notório, amplamente difundido em nossa sociedade. Pela primeira vez, no século, é necessário tamanho nível de distanciamento social para combatermos uma pandemia. Nesse cenário, muitos compromissos sociais estão sendo cancelados ou remarcados.

Quando se trata de consultas e exames médicos, no entanto, ainda não há proibição. Isso ocorre porque os cuidados à saúde são considerados serviços essenciais, e, portanto, devem ser mantidos. Os exames visuais também se encaixam nessa recomendação.

Por isso, é necessário tomar alguns cuidados adicionais com a prevenção ao Coronavírus nesses exames. A seguir, traremos as principais dicas para que você, ao mesmo tempo, se proteja da pandemia e cuide de sua saúde. Vamos lá?

1. Use máscara no transporte

O primeiro cuidado nos exames visuais começa antes mesmo de entrar no consultório. Como o Coronavírus é transmitido pelo ar, todos os locais públicos estão, teoricamente, em risco. Por esse motivo, não se esqueça de usar a máscara por todo o trajeto entre sua casa e o consultório.

Até o momento, não há indicação de uma máscara específica. O Ministério da Saúde inclusive encoraja a produção de máscaras caseiras, afirmando que elas também são eficazes para a proteção individual. O importante é proteger a boca e o nariz enquanto estiver em locais de risco.

2. Lave suas mãos ao chegar em casa

O Coronavírus não é transmitido apenas pelo contato direto com pessoas infectadas. Ele também pode estar presente em superfícies, por um tempo que ainda não sabemos ao certo. Atualmente, consideramos que ele pode sobreviver até 3 dias fora do corpo humano.

Por isso, lavar as mãos é imprescindível: ao sair de casa, inevitavelmente encostamos em superfícies e objetos que estão potencialmente contaminados. Adquira o hábito de lavar as mãos sempre quando chegar em casa, e, preferencialmente, também em outros ambientes.

3. Exija o uso de equipamentos estéreis

Durante os exames visuais, é comum ficar próximo a materiais e equipamentos médicos. Como o vírus pode estar nas superfícies, é fundamental que esses equipamentos sejam esterilizados — ou seja, completamente livres de micro-organismos. Assim, você garante que o próprio exame não se torne um fator de contaminação. É importante lembrar que os olhos também podem ser uma porta de entrada para o vírus, e merecem cuidado.

4. Opte por horários exclusivos

Outro fator de perigo nos exames visuais é a própria sala de espera do consultório. Em horários de pico, pode haver atraso nas consultas ou aglomeração de pacientes. Por esse motivo, é importante tomar alguns cuidados na marcação, e solicitar um horário exclusivo.

Nesses horários, há menos pacientes e, consequentemente, menor risco de aglomeração. Além disso, outras recomendações são manter distanciamento pessoal na sala de espera e evitar contato físico.

Se você quer realizar seu agendamento com os últimos protocolos de segurança, podemos te ajudar. A VISIONCARD é uma gestora de saúde que intermedeia o contato com profissionais de saúde e a marcação de consultas. Somos especializados em saúde visual e estamos de acordo com as últimas diretrizes de segurança de clínicas e laboratórios.

A pandemia pelo Coronavírus demanda, de nós, alguns cuidados especiais — inclusive nos exames visuais. Embora possamos nos proteger individualmente, grande parte desses cuidados também devem ser oferecidos pelo próprio consultório. Para garantir sua segurança, a adequação a normas rígidas de prevenção é fundamental.

Para manter você e sua família mais seguros, que tal entrar em contato conosco e conhecer melhor a VISIONCARD? Estamos ansiosos para te conhecer melhor!

Posts relacionados

Deixe um comentário