Ergonomia visual: por que sua empresa precisa investir nessa prática?

7 minutos para ler

O termo ergonomia visual pode até ser novo para você, mas essa prática é essencial para garantir a saúde dos olhos, tanto dos colaboradores na sua empresa quanto de outras pessoas do seu convívio social.

Isso porque com as mudanças da utilização da visão, o aumento da demanda visual e a grande exposição às telas de dispositivos eletrônicos podem levar a danos irreversíveis à saúde dos olhos, causando prejuízos para trabalhadores e empresas.

Ficou interessado em saber mais sobre saúde dos olhos e ergonomia visual? Então confira este artigo que preparamos para você!

A quais riscos sua visão fica exposta no trabalho?

A vida moderna trouxe muitas facilidades, mas com os avanços tecnológicos, nossa visão tem sido amplamente exigida, principalmente devido às longas jornadas de trabalho em frente ao computador.

Isso obriga os olhos a se adaptarem ao brilho da luz de LED, presente e smartphones e em outros dispositivos como TVs e tablets, que podem causar graves danos à grande visão.

O fato acontece porque a luz emitida pela tela desses dispositivos (em especial dos smartphones), acelera a degeneração ocular, causando dados à lente dos olhos e às córneas.

Entre esses danos estão a dificuldade de diferenciar cores, perceber contrastes e focar nas mais variadas distâncias.

Daí a importância de as empresas ficarem atentas e oferecer os cuidados necessários para evitar que a visão de seus funcionários seja prejudicada.

O que é ergonomia visual?

A ergonomia visual atua na adaptação do ambiente, de forma a oferecer uma maior produtividade, bem-estar e baixo risco de lesões ou desenvolvimento de patologias decorrentes de atividades que exigem a visão.

No ambiente corporativo a preocupação com a visão envolve, em especial, cuidados relacionados ao tempo de exposição a diferentes intensidades de luz e à luminosidade.

Entre as principais recomendações para a correta ergonomia no trabalho estão:

  • janelas com proteção contra a luz do sol;
  • piscar voluntariamente;
  • utilização de óculos de proteção para atividades que envolvem a liberação de faíscas ou outros componentes;
  • equilíbrio entre brilho e contraste do monitor;
  • tela do computador entre 10 e 20 graus do nível dos olhos;
  • iluminação paralela às janelas e paredes;
  • descansar a visão a cada 20 minutos.

Agora que você já sabe o que é ergonomia visual, veja a seguir quais são os riscos para empresas e colaboradores que ignoram essa prática.

Quais são os riscos de ignorar a ergonomia visual?

São diversos os riscos que envolvem a negligência da saúde ocular. Acompanhe!

Para o colaborador

O stress visual causado por longas horas em frente à tela e o esforço quase constante são recorrentemente a causa de muitas perturbações na saúde dos olhos.

A miopia é uma das consequências desse transtorno causado aos olhos. Afinal, o organismo procura fazer uma compensação do esforço realizado, e para isso cria um novo equilíbrio à custa da necessidade de usar óculos.

A irritação dos olhos também é um sintoma recorrente, assim como lacrimejar de forma constante. A dor de cabeça, perturbações do sono e desconforto intenso na nuca ou nas costas também fazem parte dos sintomas.

Para as empresas

A baixa produtividade e o aumento do absenteísmo estão entre as principais consequências para as corporações que ignoram a ergonomia visual.

Com isso, elas perdem importantes diferenciais competitivos no mercado, o que pode, inclusive, prejudicar a sustentabilidade e a rentabilidade da organização.

Além disso, o baixo nível de engajamento por conta dos desconfortos causados pelas longas horas em frente às telas e o clima organizacional desfavorável estão entre as principais consequências da falta da ergonomia visual na empresa.

Quais exercícios colaboram para a saúde visual e o conforto dos olhos?

Separamos alguns exercícios para ajudar na saúde dos olhos dos seus colaboradores. Veja a seguir!

Quatro direções

Sentado, com a cabeça reta, direcione os olhos ao ponto mais longe que puder. Movimente os olhos para cima, para baixo, esquerda e direita — mova somente os olhos e não a cabeça. Mantenha o olhar fixo em cada um dos pontos por uns 2 ou 3 segundos. É indicado fazer 3 repetições para cada ponto estabelecido. O exercício deve ser diário.

Mão nos olhos

Escolha um local confortável e sente-se. Coloque as mãos sobre os olhos e mantenha-os por alguns momento em completa escuridão. Além disso, respire com calma e relaxe. Faça isso por cerca de um ou dois minutos. Devagar, retire suas mãos e abra os olhos de novo. Repita cerca de 10 vezes o exercício todos os dias.

Massagem nas órbitas dos olhos

Utilize as extremidades dos dedos para massagear a zona abaixo das sobrancelhas. Faça movimentos circulares partindo da parte de cima do nariz até as pálpebras. Faça o exercício por 5 minutos todos os dias.

Acomodação

À distância do cotovelo, posicione o indicador da mão direita no nível dos olhos. Posicione o indicador da mão esquerda aproximadamente 15 cm mais afastado que o direito. De forma alternada, fixe o olhar em um dedo e depois no outro em um ritmo constante. O exercício deve durar um minuto.

mudança da mirada, técnica 20/20/20

Esse procedimento é conhecido como mudança da mirada, técnica dos 20/20/20. Funciona assim: a cada 20 minutos, por 20 segundos, olhar objetos a 20 pés (6 metros ). Por meio desses exercícios rotineiros durante o dia, os olhos terão o cristalino preservado, sem sofrer com esforços repetitivos que geram um tipo de atrofia nos músculos, dificultado o relaxamento e a contração necessária para o foco de imagens a diferentes distância.

Prevenção da secura dos olhos

A secura dos olhos é uma queixa constante, e também é potencializada pelo ar condicionado. Para resolver essa questão, fixe o olhar para frente com a cabeça reta e relaxe os músculos faciais.

Relaxe também a mandíbula inferior. Abra e feche os olhos aproximadamente 20 vezes. Os olhos devem se mover suavemente e sem esforço, como uma pluma que cai. Mantenha seus músculos relaxados o tempo todo.

Como vimos ao longo deste post, a saúde dos olhos é uma questão importante e que merece a atenção das empresas, já que a visão é considerada o principal dos cinco sentidos.

Logo, a dedicação à ergonomia visual deve ser uma constante nas empresas. Para isso, conte com profissionais habilitados para orientar a equipe e ajudar a cuidar da saúde ocular dos colaboradores.

Ademais, a perda da saúde visual geralmente causa danos irreparáveis, que, inclusive, pode significar o afastamento do colaborador, gerando mais prejuízos para a organização. Nesse sentido, a ergonomia visual é o método mais indicado para prevenir possíveis transtornos.

Gostou de saber o que é ergonomia visual? Agora que você entende a importância dela nas empresas, que tal continuar se informando sobre o assunto? Confira nosso guia completo sobre saúde visual!

Powered by Rock Convert
Visioncard: saiba como utilizar um sistema de gestão de saúde onlinePowered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário